You are here » home search results Contomastix vacariensis

Contomastix vacariensis (FELTRIM & DE LEMA, 2000)

IUCN Red List - Contomastix vacariensis - Data Deficient, DD

Can you confirm these amateur observations of Contomastix vacariensis?

Add your own observation of
Contomastix vacariensis »

Find more photos by Google images search: Google images

Higher TaxaTeiidae, Teiinae, Gymnophthalmoidea, Sauria, Squamata (lizards)
Subspecies 
Common NamesPortuguese: Lagartinho-de-Vacaria, Lagartinho-Pintado, Lagartinho-Pintado-do-Campo, Lagartixa-Pintada 
SynonymCnemidophorus vacariensis FELTRIM & DE LEMA 2000: 106
Contomastix vacariensis — HARVEY et al. 2012
Cnemidophorus vacariensis — KWET 2013 
DistributionBrazil (Rio Grande do Sul, Paraná)

Type locality: “município de Vacaria, no estado do Rio Grande do Sul, 28°30'S, 50°56'W; pela equipe da Linha de Pesquisa em Herpetologia, da Pontificia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS)”.  
Reproductionoviparous 
TypesHolotype: MCP 10466 
DiagnosisDiagnosis: “lagarto teídeo de tamanho pequeno; caracterizado por uma coloração de fundo marrom, com três faixas dorso-laterais longitudinais de pontos branco-amarelados em cada lado do corpo; dorsais granulares, em 87 a 103 fileiras longitudinais e 189 a 236 fileiras transversais; ventrais retangulares, em 8 ou 10 fileiras longitudinais e 34 a 40 fileiras transversais; gulares em 25 a 43 fileiras; poros femorais de 9/9 a 12/12, lamelas infradigitais de 21 a 27. Possui 3 escudos parietais; supraoculares 3/3 ou 4/4. Ausência de semicírculos supraorbitais granulares.” (Feltrim & De Lema 2000)

Descrição do holótipo: “tamanho pequeno; cauda com extensão menor do que 0 dobro do tamanho do corpo; 0 membro posterior estendido alcança a axila; cabeça moderadamente pontiaguda, menos de ¼ do tamanho do corpo. Rostral grande, tão alta quanto larga; narina na sutura nasal, nasais em contato atrás da rostral, separando-a do frontonasal; prefrontais, frontal e frontoparietais grandes regulares; frontal mais larga na região anterior, mais curta que a sua distância da rostral; dois frontoparietais, menores que as parietais; três parietais; após as parietais escamas menores, irregulares; três supraoculares; semicírculos supraorbitais granulares ausentes; cinco supraciliares irregulares; oito supralabiais, as quatro primeiras maiores; seis infralabiais; loreal grande, mais alta que larga; temporais granulares e lisas; ouvido externo semicircular, opérculo auricular ausente; mental tão larga quanto alta; pós-mental mediana, seguida de duas filas divergentes de escamas grandes; pregas gulares evidentes; gulares em vinte e seis fileiras, as anteriores maiores que as posteriores; mesoptiquiais irregulares, dispostas em três filas centrais, reduzindo para uma fila nas laterais. Lados do pescoço coberto por grânulos iguais as dorsais. Escamas dorsais granulares, muito pequenas e justapostas, dispostas em 99 fileiras longitudinais e 200 fileiras transversais; escamas do flanco pouco menores que as ventrais, formando uma zona de diferenciação entre as duas regiões; ventrais grandes, retangulares, dispostas em 8 fileiras longitudinais e 34 fileiras transversais, escamas preanais grandes e irregulares; escamas grandes e lisas no dorso do membro anterior, restante do membro coberto por escamas granulares; ventre do membro posterior com escamas grandes, restante com escamas granulares. Nove poros femorais de cada lado. Palma granulosa; escamas dos artelhos lisas e imbricadas; lamelas subdigitais lisas; 23 lamelas subdigitais no 4° artelho do membro posterior direito. Escamas da cauda grandes, retangulares, mais altas que largas e com uma quilha central; 88 subcaudais; não apresenta autotomia caudal.” (Feltrim & De Lema 2000)

Dimensions of holotype (mm): “comprimento rostro-cloacal 64,5; comprimento da cabeça 12,09; largura da cabeça 7,64; membro anterior 20,21; membro posterior 37; comprimento da cauda 109.” (Feltrim & De Lema 2000)

Coloration: “escudos da cabeça, dorsalmente, marrom salpicados de negro; lateralmente, escudos da cabeça brancos na margem inferior e com manchas marrom e pretas; ventralmente cabeça e pescoço esbranquiçados, sem manchas. Coloração dorsal marrom, com 3 faixas longitudinais de pontos luminosos branco-amarelados de cada lado do corpo, uma paravertebral, que se inicia na altura das pós-parietais, atingindo a cauda e duas laterais, que se iniciam atrás do olho, atingindo os membros; entre estas faixas existem manchas irregulars marrom-escuras a negras; região vertebral marrom-claro, sem manchas escuras, delimitada por pontos brancos diminutos. Coloração ventral esbranquiçada, com manchas escuras nas extremidades das escamas nas fileiras mais externas, que limitam as dorsais. Membros anteriores com coloração dorsal marrom, com 3 faixas de pontos branco-amarelados, entre elas manchas marrom-escuras a negras; ventralmente os membros anteriores são esbranquiçados, sem manchas. Membros posteriores dorsal mente com padrão de coloração semelhante ao dos membros anteriores; ventralmente as escamas dos membros posteriores são esbranquiçadas, salpicadas de manchas negras. Cauda dorsalmente com pontos brancos e escuros, diminutos, longitudinais, que diminuem em direção à extremidade da cauda. Ventral mente a cauda é esbranquiçada.” (Feltrim & De Lema 2000)

Variation: “os caracteres merísticos e morfométricos da série-tipo de Cnemidophorus vacariensis são apresentados nas Tabelas 1 e 2, respectivamente. A coloração dorsal apresenta pouca variação, em alguns espécimes os pontos podem unir-se ao longo da faixa longitudinal. A coloração ventral varia de um padrão sem manchas negras a um padrão com muitas manchas negras; o restante do corpo, ventralmente, varia de manchas negras apenas nas escamas que limitam as dorsais a um padrão muito pigmentado, com manchas negras em todas as escamas do ventre.” (Feltrim & De Lema 2000) 
CommentNot mentioned in REEDER et al. (2002).

Group: member of the lacertoides group, see C. lacertoides for details. 
Etymologynamed after the Type locality. 
References
  • Cabrera, Mario R. & Carreira, S. 2009. A new, but probably extinct, species of Cnemidophorus (Squamata, Teiidae) from Uruguay. The Herpetological Journal 19: 97–105 - get paper here
  • Cabrera, Mario R.; Santiago Carreira, Diego O. Di Pietro & Paula C. Rivera 2019. A new species of Contomastix (Squamata, Teiidae) supported by total evidence, with remarks on diagnostic characters defining the genus. The Herpetological Journal 29 (1): 23-36 - get paper here
  • Feltrim, A. C. & T. DE LEMA 2000. Uma nova espécie de Cnemidophorus Wagler, 1830 do estado do Rio Grande do sul Brasil (Sauria, Teiidae). Biociências 8 (1): 103-114
  • Gonzalez R. C. et al. 2020. Lista dos Nomes Populares dos Répteis no Brasil – Primeira Versão. Herpetologia Brasileira 9 (2): 121 – 214 - get paper here
  • HARVEY, MICHAEL B.; GABRIEL N. UGUETO & RONALD L. GUTBERLET, Jr. 2012. Review of Teiid Morphology with a Revised Taxonomy and Phylogeny of the Teiidae (Lepidosauria: Squamata). Zootaxa 3459: 1–156 - get paper here
  • Kwet, Axel 2013. Die globale Reptilienkrise. Terraria-Elaphe 2013 (3): 8-10 - get paper here
  • REEDER, T.W.; CHARLES J. COLE AND HERBERT C. DESSAUER 2002. Phylogenetic Relationships of Whiptail Lizards of the Genus Cnemidophorus (Squamata: Teiidae): A Test of Monophyly, Reevaluation of Karyotypic Evolution, and Review of Hybrid Origins. American Museum Novitates 3365: 1-64 - get paper here
  • SCHRAMM DE OLIVEIRA, ARTHUR; MURILO GUIMARÃES, NATHALIA ROCHA MATIAS & LAURA VERRASTRO. 2022. How close is danger? Relationship between the distance from an exotic tree plantation and occupancy of an endemic lizard. Austral Ecology 47(6): 1286–1295. - get paper here
  • Souza Filho, G.A. 2013. Cnemidophorus vacariensis Feltrim and Lema, 2000 (Squamata: Teiidae): A new record for the state of Paraná, southern Brazil. Check List 9 (6):1564-1566 - get paper here
  • Stahnke, Leonardo Francisco; Gabriel Emiliano Ferreira da Silva, Rafael dos Santos Reguly, Iberê Farina Machado 2006. Novo registro de Cnemidophorus vacariensis para o Estado do Rio Grande do Sul, Brasil (Sauria, Teiidae). Biociências 14 (1): 91-92
 
External links  
Is it interesting? Share with others:

As link to this species use URL address:

https://reptile-database.reptarium.cz/species?genus=Contomastix&species=vacariensis

without field 'search_param'. Field 'search_param' is used for browsing search result.



Please submit feedback about this entry to the curator